Analisando o trailer: “Maleficent”

O trailer de Maleficent foi divulgado durante o Grammy nesse final de semana e eu, como o maior incentivador de bobagens Disney nesse blog, me senti na obrigação de analisá-lo aqui no Anfitrião. Então vamos começar logo, para que Lana Del Rey se sinta mais à vontade para gravar outra trilha sonora de um filme (e ser esnobada pelo Oscar).

Mas, ó. Antes Lana Del Rey cantando “Once Upon a Dream” do que a amiga da Hannah Montana. Então pelo menos nisso começamos com o pé direito.

O visual

Como fizemos no post anterior, comecemos pelo visual. Todos já sabemos do que esperar de Malévola, certo? O desenho animado produzido pela Disney foi lançado nos anos 50, mas ainda hoje graças a maravilha do merchandising e produtos comerciais impacto cultural muitos se lembram como é o visual da Malévola e o filme preserva essa lembrança com bastante sucesso.

Embora esteja tudo bem feitinho, eu não me sinto empolgado para ver esse filme. É tudo tão reminescente de Alice no País das Maravilhas do Tim Burton que não consigo deixar de ouvir o alerta “CUIDADO, ISSO É UMA BOMBA” apitando em cada cenário supostamente imponente (ainda mais que a equipe responsável pelo design de produção é de fato o mesmo time responsável por Alice do Burton).

Aliás, já que estamos falando de cenário… Vamos combinar, dá para ver claramente que esse filme inteiro foi filmado com o chroma key. Não chega a ser algo exatamente negativo (a própria Jolie já estrelou Capitão Sky e o Mundo de Amanhã, que foi amplamente divulgado como o primeiro filme feito totalmente em CGI), mas quando o melhor que Hollywood consegue fazer é algo próximo do que uma série mediana de tevê aberta… Bom, então acho que não temos padrões muito altos, né?

Sério, não é possível que isso esteja nos padrões de Once Upon a Time que, vale a pena lembrar, tem um orçamento mínimo e tem que se virar com efeitos meia boca para ambientar episódios semanais. Ouviu, Disney? Se-ma-nais. Vamos liberar um pouco dessa grana aí, apostem em umas externas, porque filme feito inteiro dentro do estúdio é muito decepcionante.

Sem contar que as fadinhas estão bem sem vergonha também. Mais parecem um misto de sereias/meninas-super-poderosas-místicas do que fadas de fato.

A adaptação

Quanto a história, não sabemos exatamente o quanto mudou do clássico animado (até porque ambas são produções da Disney, então imagino que não muito). A história agora está sob a perspectiva de Malévola, então acho natural que ela ganhe algum destaque maior. Vemos ela castigando Aurora, depois enfeitiçando a menina e por fim andando imponentemente em um terreno aberto (primeira cena assumidamente externa… yay?), enquanto invoca seres feitos de galhos e árvores para a já tradicional “épica” cena de luta que parece ser obrigatório em qualquer filme com o mínimo de apelo popular.  Só lembrando que esse é um filme da Disney e sangue vai passar longe, então já podemos esperar por uma disputa tão pudica quanto a “guerra” de Nárnia. 

Interessante que guardaram a clássica cena dela se transformando em dragão. Nem mesmo um vulto… Provavelmente devem estar escondendo para surpreender durante o filme, não antes.

criatura-maleficent

… A menos que ela tenha virado uma cobra de troncos e galhos.

Aliás, já que estamos cogitando partes da história. Por que não vemos também nem sombra do Príncipe Phillip? Ele é um dos personagens principais do desenho (em termos de relevância e destaque no filme, só perde mesmo para as três fadinhas as verdadeiras protagonistas) e o único a lutar e enfrentar Malévola.

Nem digo por ele, mas com a Aurora sendo interpretada por alguém mais próxima da idade real dela, será que teremos mesmo um príncipe para beijá-la? Ou será que a Disney vai achar isso polêmico demais e vão cortar o príncipe? Afinal, ninguém sabe quantos anos ele tem… Ou podemos ficar com algo próximo do beijo de Wendy e Peter Pan na versão live-action da história. Uma das cenas mais adoráveis do filme.

A protagonista

Bom, talvez seja tarde discutir isso, mas já que estou aqui falando… Será que sou o único que achou estranho a escalação de Angelina como a Malévola? Ok, ela é uma übber estrela, reconhecida internacionalmente e mega famosa. Tudo bem. Mas ela é mesmo a atriz mais indicada para representar Malévola? Acho que ela é bonita demais e jovem demais pro papel (ela pode até aparentar uma frieza necessária para a personagem, mas não é uma frieza intimidadora).

Acho que Michelle Pfeiffer conseguiria fazer muito mais. Ela tem a empatia necessária para fazer uma vilã-que-o-público-torce (Mulher Gato, Stardust…), a idade e beleza indicada e ela tem muito mais talento no dedinho dela do que Angelina em toda sua boca. Sem contar que a fia anda precisando de um bom papel pra voltar ao estrelato que merece em vez de perder tempo, apostando em bombas do Tim Burton.

Mas talvez eu esteja subestimando a atuação de Jolie, já que até mesmo a Lana Parrilla fez um ótimo trabalho como a Rainha Má de OUAT antes do seriado perder toda a graça quando obrigou todos os personagens a lembrarem de seu passado, mas sem seus poderes (sério ABC, alguém ainda assiste essa bomba?). Eu sei que Rainha Má ╪ Malévola, mas era o mais próximo que chegava e era a melhor personagem de todo a série, tanto até que vai ganhar gifwall aqui.

 

 

Mas tudo bem. Eu entendo que Malévola é a maior e mais reconhecida vilã do histórico de antagonistas Disney (que agora acabou de ganhar a sua própria série/franquia, Disney Villains), então é compreensível que eles apostem na maior estrela de todas para interpretá-la. Mas sempre imaginarei o que Pfeiffer faria com uma oportunidade dessas.

E vocês? Empolgados para o filme? Ou nem um pouco?

Anúncios

10 comentários

  1. Eu adoro o original — principalmente por ter um príncipe com o meu nome. No livrinho que eu tinha, ainda vinha escrito corretissimamente com “i”. Por isso, assim que esse filme foi anunciado eu fiquei empolgadíssimo.

    O primeiro trailer destruiu todas as minhas expectativas justamente por causa de todos os motivos que você listou aí em cima. Os efeitos especiais estavam fracos, tudo gritava Alice do Tim Burton e desde que essa bomba chegou, quando o alarme Alice me manda sair correndo, é porque eu preciso sair correndo. Não corri de Oz, Mágico e Poderoso e veja no que deu. Um desperdício de Rachel Weisz.

    Mas, não sei se foi a música original do filme de volta, ou a versão da Lana de Rey, que eu acabei gostando bastante, eu voltei a ficar empolgado com o lançamento. Acho que não será a maravilha que eu quero que seja, mas não será a Alice que eu espero que seja. Vai ficar entre isso, que nem ficou Branca de Neve e o Caçador, que não é nem de longe bom, mas chamá-lo de ruim é pedir pra criar um adjetivo terrível e que não pode ser repetido pra Espelho, Espelho Meu.

    1. Eu acho que é bem provável que siga o mesmo caminho de Oz Mágico e Poderoso (mas eu nem achei essa bomba, Rachel Weiz é a melhor coisa do filme), mas durante todos os dois trailers eu fiquei “hum, mas que cheirinho de Alice hein”.

      E a versão da Lana ficou muito boa mesmo!

      1. Sobre o Príncipe Filipe, ;-), ele esta no elenco. Só não sei se o personagem foi cortado na edição final do filme. Mas eu nem acho que ele tinha muito destaque no original. O filme anterior era das fadas, praticamente. Esse é da fada má. Falando nelas, eu achei tosquíssimo que elas não são live action. Nada a ver elas serem CGI.

  2. Saíram 3 trailer de Malévola o primeiro com a Elle Fanning narrando, o segundo é pra televisão e mostra o príncipe naquela famosa cena do beijo e o terceiro com a musica da Lana – o link do segundo trailer aqui: https://www.youtube.com/watch?v=EVAYR-J0gT4

    Eu estou confiante com esse filme, gostei de Alice é era o que estava esperando, que seguisse na mesma linha, porque antes de mais nada o filme é comercial e não me surpreenderia se rendesse algo próximo ao que rendeu Alice, acredito que eles devem ter feito um ótimo trabalho, nada extraordinário, mais que divirta as pessoas, e quando a Jolie sou meio suspeito pra falar pois sou fã dela, mais achei uma ótima escolha, ela deu aquele ar de maldade que a personagem exige, além de estar bem cínica exatamente como a Malévola é.

  3. assisti o filme, e gostei, sou fanzoca da angelina e ela interpretou muito bem a malévola, é claro tudo da disney é surpreendentemente previsivel mas contar a historia pelo olhar da antagonista é interessante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s