Tudo o que você precisa saber sobre “Mulheres ao Ataque”

Aparentemente as únicas mulheres indo ao ataque final de semana passado foram as que disputavam as últimas peças da coleção “Vida”, da Juliana Paes na Leader para dar de presente de dia das mães. De acordo com dados da bilheteria nacional, Mulheres ao Ataque estreou em terceiro lugar atrás das continuações de O Espetacular Homem-Aranha e Capitão América , que já estavam em exibição desde semanas anteriores. Ao contrário do cenário brasileiro, a comédia de vingança estrelada por Cameron Diaz, Leslie Mann e Kate Upton estreou em primeiro lugar nos Estados Unidos, excedendo todas as expectativas ao conseguir 35 milhões apenas no primeiro fim de semana.

Nós entendemos que você não tenha corrido pro cinema para assistir o filme, afinal, os preços abusivos do ingresso associados a um consenso de 24% no Rotten Tomatoes não criam o cenário mais empolgante para justificar uma ida ao cinema, e embora já seja uma verdade triste que as mulheres continuam pouco representadas nas telas, mesmo compondo a maior parte de público e estrelando as maiores bilheterias do ano passado, nem todo mundo quer ir assistir a primeira oferta feminina que aparece só por falta de opção.

Contudo, se você (como eu) é fraco para filmes com um elenco feminino planejando uma vingança, estreias na tela de celebridades que não são atores e uma trilha sonora sassy enquanto mulheres ricas tomam doses de tequila, mas ainda está em cima do muro se vale a pena ver o filme no cinema, tentaremos aqui te ajudar a decidir se os 12 reais da sua meia falsificadíssima são mais bem empregados indo ver o filme ou inteirando para experimentar os novos lanches horrorosos da copa do Mc Donald’s.

banner other woman

Assistir ao filme no Cinemark significa ver os primeiros cinco minutos de Como Treinar o Seu Dragão 2

Eu sei que isso não tem muito a ver com o filme em si, mas pra mim faz uma diferença em como começa a sua sessão. Às vezes vocês também tem a impressão de que o cinema, mesmo com os preços exorbitantes e a queda de assiduidade do público, ainda quer te punir por algo que você não sabe exatamente o que fez? Eu já assisti ao cantor Otto redescobrindo a sonoridade dos metais na rua durante cinco minutos, vi um vídeo inteiro do Porta dos Fundos e agora os cinco minutos de Como Treinar o Seu Dragão 2, seguido de um featurette do mesmo.

Eu ainda estou tentando entender se essa estratégia de passar o começo do filme antes realmente dá certo. Isso não deveria ser feito apenas em casos que o filme é realmente excelente ou tem um começo digno o bastante? Não que eu cogitasse ver esse filme de um jeito ou de outro, pra mim o primeiro já foi um sonífero bom o bastante e um dos sucessos mais inexplicáveis recentes, mas depois de ver esses primeiros cinco minutos a única coisa que isso me incentivou foi começar as anedotas da semana dizendo “Menina, te contei que tive que ver os primeiros cinco minutos de Como Treinar o Seu Dragão 2? É péssimo”.

Esqueça a Cameron, o filme inteiro é Leslie Mann

Apesar de o primeiro personagem que conhecemos ser o de Cameron Diaz, e todo o material promocional do filme ser focado nela, é a sua amiga mais desconhecida Leslie Mann que tem as maiores piadas (e inclua nisso muito humor físico, incluindo uma sequência hilária com ela fugindo bêbada na rua) e a tentativa de “elo emocional” do filme, por ela ser a esposa oficial do homem de Game of Thrones e a que mais sofre com a situação toda. Você deve conhecer a Leslie de participações pequenas em Modern Family, como a mãe da Emma Watson e Taissa Farmiga em Bling Ring ou como a esposa do Judd Apatow (já tendo atuado em diversos filmes dele também). Mesmo com uma personagem extremamente inconsistente, que no começo é basicamente retardada, mas que fica consideravelmente mais sagaz com a entrada da Kate Upton (talvez por comparação?), a nossa sorte é que a Leslie tem as habilidades de uma ótima comediante para segurar as cenas.

A história demora MUITO pra se estabelecer

Você provavelmente já deve ter visto o trailer, e mesmo que não tenha visto, pelo menos a premissa básica das três mulheres se juntando para se vingar do homem infiel você deve saber (até porque ela está 50% estampada no cartaz do filme). Agora a surpresa: isso demora mais de uma hora pra acontecer. Sério, em determinado momento eu achei até que eles estivessem estabelecendo as bases para uma trilogia ou algo do tipo, e que eu tinha entrado numa situação meio O Hobbit. “Mas o que elas fazem nesse meio tempo todo?”, você deve estar se perguntando. Bom, prepare-se para bastante Cameron Diaz dizendo para a Leslie que não é amiga dela, e ela respondendo “Não, você é a amante do meu marido, e a única pessoa que eu tenho”. É, dava pra ter cortado um pedaço nesse meio do filme.

Nicki Minaj sozinha não justifica a ida

Antes que você solte um “tu jura?”, preciso revelar que um dos motivos finais que me convenceu a ver o filme no cinema foi ver o que sairia da estreia da Nicki Minaj em filme, e se você acompanha a sua videografia sabe que a atuação estilo Kate Middleton possuída na boate era algo a se esperar. Pura decepção. Se a mistura de integrante de Jersey Shore com negra sassy até tenta salvar um pouco as suas falas, a falta de energia e o fato de que ela aparece no máximo por cinco minutos durante o filme todo falham em criar uma impressão, mesmo que ruim. Até a sua inimiga Mariah Carey fez mais em todas as vezes que apareceu em um filme, Nicki.

Kate Upton, no entanto, é um achado

Eu não sou alguém de objetificar mulheres a troco de nada, mas a única imagem que eu tinha quando me mencionavam Kate Upton era essa:

Basicamente, tetas. E como eu gosto das minhas modelos assim como eu gosto das minhas tortillas mexicanas (fininhas, coradas, e com um tempero étnico), eu nunca dei muita atenção. Apesar de sua primeira aparição no filme também a resumir a peitos, em pouco tempo é impossível negar que ela é provavelmente a pessoa que mais está se divertindo em estar ali. Sua empolgação pra entregar cada fala é tão notável que não só mudou toda a percepção que eu tinha dela, mas como ajuda o filme a dar uma guinada pra uma direção mais animada depois que ela aparece. Quem diria.

O filme não é tão ruim quanto deveria

Sejamos honestos: só de considerar assistir um filme como esse você já imagina mais ou menos onde tá entrando, e mais ou menos o que espera (no mínimo um padrão de qualidade assim como o da filmografia inteira da Jennifer Lopez). Mas eu odeio ter que te revelar que não, Mulheres ao Ataque não é o novo Tudo Pra Ficar Com Ele. Embora seja extremamente divertido assistir o clima de camaradagem entre as três atrizes (sem ficar naquele clima de “o elenco se divertiu bastante, mas a gente não”), o filme não abraça os clichês necessários para se tornar um amigo perdido que a gente esbarra na TV a cabo daqui alguns anos e não consegue mais largar. Não temos uma makeover na dona de casa, nenhuma cena de dança (muito menos uma maravilha como a dança sobre o pênis gigante em Tudo Pra Ficar Com Ele, saudades 2002), e a única cena de cantoria bêbada envolve uma versão acústica de Love is a Battlefield, da Pat Benatar, que já foi muito mais bem utilizada pela Jennifer Garner em De Repente 30.

Nós temos algumas piadas grosseiras que apontam o humor pesado que nos acostumamos ver em filmes da Cameron Diaz, mas a falta de riscos e preguiça no meio do roteiro fazem com que Mulheres ao Ataque termine mais como uma oportunidade perdida do que um produto final com muito valor. Se você realmente está em dúvida sobre poupar o seu dinheiro (e visto que o filme está sumindo rápido dos cinemas), talvez o melhor seja realmente esperar para assistir em uma noite tomando margaritas em casa (e se fizer isso, me chame por favor).

Mas se você, assim como eu, quer só uma desculpa para dizer que foi ao cinema esse ano e não tem interesse em nada envolvendo um super-herói, você poderia acabar escolhendo muito pior. E não é como se você tivesse muitas outras opções, né?

Anúncios

1 comentário

  1. Ainda bem que opinião é única e intransferível né meu bem!!! Adorei o filme ri muito! !!
    Mas gosto é gosto né e o seu ao meu ver é duvidoso .Perdi meu precioso tempo lendo esse comentário inútil e infundado …

    Pelamor vai….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s