Prêmio Anfitrião 2018

Na 13ª edição do prêmio Anfitrião, o terror Aniquilação, lançado diretamente na Netflix, foi considerado melhor filme do ano. O sci-fi lisérgico de Alex Garland saiu vencedor em 4 categorias no total: Filme, Elenco, Edição e Direção de Arte. A dramédia japonesa Assunto de família de Hirokazu Kore-eda foi outro destaque do ano, com vitória em Direção, Roteiro Original e Atriz Coadjuvante.

A lista completa abrange filmes que tiveram lançamento comercial em 2018 e exibições online/streaming ou em festivais. A lista completa dos filmes assistidos e elegíveis está aqui.

Selecionados para melhores filmes do ano são Aniquilação, 120 batimentos por minuto, Em pedaços, Assunto de família e Ferrugem.

2018-filme
Aniquilação, de Alex Garland
120 BPM, de Robin Campillo
Em pedaços, de Fatih Akin
Assunto de família, de Hirokazu Koreeda
Ferrugem, de Aly Muritiba

2018-dir
1º Hirokazu Koreeda| Assunto de família
2º Alex Garland| Aniquilação
3º Robin Campillo| 120 BPM
4º Spike Lee| Infiltrado na Klan
5º Bo Burnham| Oitava série

2018-atriz
1º  Diane Kruger| Em pedaços
2º Natalie Portman| Aniquilação
3º Caroline Abras| Alguma coisa assim
4º Amandla Stenberg| O ódio que você semeia
5º Toni Collette| Hereditário
(Quase entrou: Joanna Kulig, Guerra fria)

2018-ator
1º Carloto Cotta| Diamantino
2º Joaquin Phoenix| Você nunca esteve realmente aqui
3º Lakeith Stanfield| Sorry to bother you
4º Tomasz Kot| Guerra fria
5º Vincent Lacoste| Conquistar, amar e viver intensamente
(Quase entrou: John David Washington, Infiltrado na Klan)

2018-atriz_coadj
1º Kirin Kiki| Assunto de família
2º Adriana Esteves| Benzinho
3º Lesley Manville| Trama fantasma
4º Laurie Metcalf| Lady bird
5º Lola Dueñas| Zama
(Quase entrou: Miyu Sasaki, Assunto de família)

2018-ator_coadj
1º Nahuel Pérez Biscayart| 120 BPM
2º Gabriel Byrne| Hereditário
3º Sam Elliott| Nasce uma estrela
4º Oscar Isaac| Aniquilação
5º Steven Yeun| Em chamas
(Quase entrou: Tatsuya Fuji, Esplendor)

2018-roteiro-orig
1º Assunto de família |Hirokazu Koreeda
Hereditário |Ari Aster
Diamantino |Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt
Em pedaços |Fatih Akin e Hark Bohm
Ferrugem |Aly Muritiba e Jessica Candal

2018-roteiro_adap
1º  Você nunca esteve realmente aqui |Lynne Ramsay, baseado no livro homônimo de Jonathan Ames
Night is short, walk on girl |Makoto Ueda, baseado no livro homônimo de Tomihiko Morimi
Aniquilação |Alex Garland, baseado no livro homônimo de Jeff VanderMeer
Alguma coisa assim |Esmir Filho, baseado nos personagens do curta de mesmo nome de Esmir Filho e Mariana Bastos
Infiltrado na Klan |Charlie Wachtel, David Rabinowitz, Kevin Willmott e Spike Lee, baseado no livro homônimo de Ron Stallworth

2018-elenco
Aniquilação
Assunto de família
120 BPM
Três anúncios para um crime
Projeto Flórida

2018-longa_estreia
Oitava série, de Bo Burnham
Marcha cega, de Gabriel Giacomo
Hereditário, de Ari Aster
Sorry to bother you, de Boots Riley
Lady Bird, de Greta Gerwig

2018-cena
1º Acidente de trânsito, em Hereditário
2º Descoberta no farol, em Aniquilação
3º Despedida às pressas, em Roma
4º O parto, em As boas maneiras
5º Xeque-mate noturno, em Conquistar, amar e viver intensamente

2018-sfx
Vingadores: Guerra infinita
Jogador No. 1
Hereditário
Diamantino
Aniquilação

2018-dirarte
1º Mark Digby, por Aniquilação
2º Eugenio Caballero, por Roma
3º Stephonik Youth, por Projeto Flórida
4º Jeffrey Beecroft, por Um lugar silencioso
5º Yoshihito Akatsuka, por Detetive Dee: Os quatro reis celestiais

2018-foto
1º Alfonso Cuarón, por Roma
2º Sayombhu Mukdeeprom, por Me chame pelo seu nome
3º Rob Hardy, por Aniquilação
4º Rui Poças, por As boas maneiras
5º Lukasz Zal, por Guerra fria

2018-maquiagem
A forma d’água
Vingadores: Guerra infinita
Um lugar silencioso
As boas maneiras
Hereditário

2018-figurino
1º Ruth E. Carter, por Pantera negra
2º Mark Bridges, por Trama fantasma
3º Mary E. Vogt, por Podres de rico
4º Deidre Elizabeth Govan, por Sorry to bother you
5º Julio Suárez, por Zama

2018-edicao
1º Barney Pilling, por Aniquilação
2º Barry Alexander Brown, por Infiltrado na Klan
3º Joe Bini, por Você nunca esteve realmente aqui
4º João Menna Barreto, por Ferrugem
5º Hirokazu Koreeda, por Assunto de família

2018-animacao
Night is short, walk on girl, de Masaaki Yuasa
Lu está livre, de Masaaki Yuasa
Homem-aranha: No Aranhaverso, de Bob Persichetti, Peter Ramsey e Rodney Rothman
A ganha-pão, de Nora Twomey
Ilha dos cachorros, de Wes Anderson

2018-curta-anima
Weekends, de Trevor Jimenez
Fim de tarde, de Louise Bagnall
Pépé, a morsa, de Lucrèce Andreae

2018-curta
O peregrino de Catabranca, de Leonardo Rolla
Papa-figo, de Alex Reis
De tanto olhar o céu gastei meus olhos, de Nathália Tereza

2018-curta-doc
Absorvendo o tabu, de Rayka Zehtabchi
A partida final, de Rob Epstein e Jeffrey Friedman
Preciso dizer que te amo, de Ariel Nobre

2018-doc
Marcha cega, de Gabriel Giacomo
Excelentíssimos, de Douglas Duarte
A vida e a arte de Stanislaw Szukalski, de Irek Dobrowolski
Histórias que nosso cinema (não) contava, de Fernanda Pessoa
Ser tão velho cerrado, de André D’Elia

2018-som
Um lugar silencioso
Pantera negra
Em chamas
120 BPM
Aniquilação

2018-trilha
1º Johnny Greenwood, por Você nunca esteve realmente aqui
Ludwig Göransson, por Pantera Negra
Jonny Greenwood, por Trama fantasma
Alexandre Desplat, por Ilha dos cachorros
Terence Blanchard, por Infiltrado na Klan

2018-cancao
“Shallow”, em Nasce uma estrela
“All the stars”, em Pantera negra
“Visions of Gideon”, em Me chame pelo seu nome
“OYAHYTT”, em Sorry to bother you
“Crystal Dolphin”, em Lu está livre

Anúncios